Beijo na boca é contaminação cruzada por gluten : Paranoia ou Realidade?

Quando descobre a contaminação cruzada por gluten e entende sobre a contaminação cruzada por gluten, começamos ver a contaminação cruzada em toda parte, ou melhor, o gluten em toda parte !! Como : será que beijo na boca ocorre contaminação ?

Provavelmente você também já parou para pensar sobre isso ! E esse assunto do beijo na boca é bem polêmico entre os celíacos e se separam em duas opiniões, tais como :

  • Contaminação cruzada por gluten pelo beijo é paranoia
  • Contaminação cruzada por gluten pelo beijo é realidade

muitos acham que é paranoia, que não ocorre contaminação cruzada por gluten quando beija na boca !!

Porém é uma realidade que não têm como se escapar, e aqui vamos explicar o porque é contaminação cruzada, ou até melhor, que é contaminação DIRETA quando beija na boca.

Beijo na boca é contaminação cruzada por gluten

Beijo na boca é contaminação cruzada por gluten: Paranoia ou Realidade?

Uma amiga sempre diz: Beijo na boca não é contaminação cruzada, é contaminação direta! E ela tem razão! Se nós celíacos, alérgicos e sensíveis (SGNC) temos o cuidado de não comer no mesmo prato em que foi servido um alimento com gluten, o mesmo procedimento serve para beijos apaixonados! Beijar na boca de alguém que comeu gluten, bebeu cerveja ou qualquer outra bebida com gluten, é contaminação na certa. O cuidado ainda se estende para batons que contenham trigo (wheat) ou qualquer outra forma de gluten em sua composição, cremes faciais, maquiagem em geral, produtos para o cabelo ou hidratantes corporais.

Frases como “Vamos viver em uma redoma de vidro?  Eu beijo mesmo!” são ditas por alguns. Do mesmo jeito que uma parcela de celíacos e sensíveis ao glúten se arriscam comendo em restaurantes que não estão preparados para nos atender, há celíacos que beijam bocas glutenadas sem medo de ser feliz.

Digamos que ter diarreia, gases, vômito, dores abdominais, etc no meio de um encontro ou em uma balada não é muito romântico, não é mesmo?! Muito menos passar uma semana doente com muitos sintomas seja uma opção que você escolheria. O único jeito é contar sobre sua condição e explicar que se entrar em contato com o gluten vai ficar muito doente. Imagino que a essa altura você está pensando: E se o glutenado escovasse os dentes? E se eu carregasse uma escovas de dentes comigo? Lembre-se que escovar os dentes remove apenas as partículas maiores de gluten, não retira todas as partículas por completo (que assunto nojento, né?), dizem que para todo o glúten sair da boca leva cerca de três horas. Portanto não há uma mágica para essa situação.

Beijo classificados

Beijo na boca é contaminação cruzada por gluten: Paranoia ou Realidade?

Se você chegou até esse post porque é celíaco lembre-se que o diálogo é sempre a melhor opção, juntamente com ter saúde. O que se percebe é que novos relacionamentos são mais fáceis, o novo parceiro/a entende bem a nossa condição, então não tenha medo, explique sobre a celíaca o quanto antes, seja de uma maneira didática, humorada ou seja lá como você for capaz de se comunicar (mesmo que esteja inseguro/a de perder o possível relacionamento).

Se você é o parceiro/a de um celíaco/a não se esqueça de se preparar para um encontro : fique longe de glúten por pelo menos três horas antes, faça uma boa limpeza nos dentes, certifique-se que seus produtos de higiene pessoal não contenham glúten, se você é homem e usa barba verifique se não há resquícios de glúten e se você é mulher, cuidado com leave in e cremes para pentear os cabelos, assim como batom e a maquiagem, pois podem conter glúten na composição.

Alguns celíacos não apresentam sintomas ao se contaminar, alguns apenas sintomas leves, outros não identificam os desconfortos ao glúten, em qualquer um dos casos lembre-se que celíacos não podem se expor ao glúten, pois adoecem. A dieta 101% sem glúten é nosso único remédio, cuide da sua saúde. Cuidados com contaminação cruzada não é paranoia, frescura nem qualquer outro adjetivo do gênero, significa apenas que não queremos adoecer, não queremos desenvolver um câncer e nem outras doenças autoimunes.

“Beijo na boca e contaminação cruzada por glúten. Paranoia ou Realidade?” Vale afirmar que SIM, É REALIDADE!

 

Beijo na boca é contaminação cruzada por gluten: Paranoia ou Realidade? conseguimos tirar essa sua dúvida?

Se você gostou desse post deixe um comentário abaixo, compartilhe nas suas redes sociais, aos poucos vamos divulgando mais sobre a DC, SGNC e alergia ao trigo!

Se você é proprietário de estabelecimento sem gluten e têm novidades para contar, entre em contato conosco : naocontemgluten.org@gmail.com

 

Estamos publicando todo dia agora !

Ufffa, duas semanas já hahaha Está para vir mais, rumo ao 365, não perca !!

NCG.org : por Kiyoshi Kawaguti

Para nos seguir no Instagram : Não Contém Glúten.org

Para nos seguir no FaceBook : Não Contém Glúten.org

Para nos seguir no Twitter : Não Contém Glúten.org

Para nos seguir no Pinterest : Não Contém Gluten.org

Não esqueça de curtir e compartilhar (share) que eu fico muito feliz 😆

Doença Celíaca e Alergia Alimentar não é frescura! Compartilhe esse conteúdo com seus amigos e familiares, marque aquele amigo (a) que é celíaco ou alérgico, para que todos possam compreender melhor o nosso universo! Educação celíaca sempre, juntos somos mais fortes!

 

Você também pode gostar :

 

 

Curte as nossas redes aqui embaixo para nos acompanhar melhor👀

 

Compartilhe e espalhe essa mensagem!


, ,

2 comentários em “Beijo na boca é contaminação cruzada por gluten : Paranoia ou Realidade?

  • 15 de fevereiro de 2017 em 00:42
    Permalink

    Gostei muito na maioria das vezes os pais ficam atordoados sem saber o que fazer pois os médicos fazem pouco caso e desinteresse como se fosse nada algo normal o que não é aceitável. Mas por outro lado vejo aqui uma preocupação em proteger os alérgicos através de informação parabéns continuem assim

    Resposta
  • 23 de fevereiro de 2019 em 12:35
    Permalink

    Parabéns!!!! Poucos sabem sobre essa forma de contaminação. Beijos sem glúten!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *